Igreja de São Pedro dos Clérigos – Salvador, Bahia

A irmandade de São Pedro dos Clérigos surgiu no século XV, na Península Ibérica, e seus membros eram conhecidos como presbíteros seculares do hábito de São Pedro. A finalidade principal dessa irmandade é de cuidar de padres idosos, doentes ou já aposentados, e que não pertençam a nenhuma ordem religiosa específica. Como padroeiro, foi escolhido São Pedro, o principal dos apóstolos que seguiram a Cristo.

No Brasil, a Irmandade de São Pedro dos Clérigos de São Salvador da Bahia foi instaurada ainda no século XVI, durante o episcopado de Dom Antônio Barreiros, terceiro bispo brasileiro. A primeira igreja dessa congregação foi construída próxima à antiga Sé Primacial, atualmente demolida.

O templo atual teve sua construção autorizada no ano de 1709, e foi erigido no Terreiro de Jesus, um terreno descampado em frente ao Colégio dos Jesuítas. Consta também que, no ano de 1741, uma doação real forneceu subsídios para a obra. Mas a construção somente seria finalizada no século seguinte, principalmente no tocante à parte externa (fachada e torre).

As tendências artísticas da época podem ser notadas nos altares e no arco cruzeiro, que são entalhados numa transição entre o estilo rococó e o neoclássico.

Ocupando posição central no altar-mor, há uma imagem de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, e nas laterais da capela-mor há duas grandes imagens dos apóstolos São Pedro e São Paulo. Na igreja, há ainda dois altares laterais, um deles dedicado à Virgem Maria sob a invocação de Nossa Senhora das Portas do Céu, e o outro dedicado a Santo Eloi.

Recentemente, a igreja foi inteiramente reformada, e atualmente é uma das mais bem conservadas de Salvador.

 

IMG_5663

Acima, a igreja de São Pedro dos Clérigos (esquerda) e a igreja de São Domingos de Gusmão (direita), ambas no Terreiro de Jesus

IMG_5824

Acima, bulbo da torre, com o tradicional revestimento de azulejos

IMG_6030

Abaixo, teto da capela-mor.

IMG_6047

Abaixo, uma grande pintura no teto, representando Jesus e São Pedro na passagem narrada no livro de Mateus cap 16, 18. “E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.”

IMG_6055

 

___________________________

REFERÊNCIAS

– Bazin, German. L’Arquitecture Religieuse Baroque au Brésil, Tome II, Paris: Librairie Plon, 1958

– IPHAN

 

 

 

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s