Matriz de Nossa Senhora da Purificação – Santo Amaro, Bahia

Na segunda metade do século XVI, o governador Mem de Sá doou um grande território na região do Recôncavo Baiano a Fernão Rodrigues Castelo Branco, para que este cultivasse a terra e produzisse – era uma das chamadas ‘sesmarias’. Décadas depois, no ano de 1602, essa sesmaria começou a ser desmembrada e parte dela foi vendida para os monges beneditinos da Bahia, que, num povoado que ali surgira, construíram uma pequena igreja dedicada ao Abade Santo Amaro (nome português para São Mauro, o primeiro discípulo de São Bento).

igreja santo amaro bahia

Acima, a igreja de Santo Amaro em seu aspecto atual

No ano de 1606, foi criada uma freguesia dedicada a Nossa Senhora da Purificação, e construiu-se uma segunda igreja, dedicada a essa devoção, e que passou a ser a sede paroquial do local. A partir daí, a primitiva povoação foi crescendo, até que no século XVIII se transformou na Vila de Santo Amaro – mas que, por causa de sua matriz, ficou também conhecida como Santo Amaro da Purificação.

No início do século XVIII, os moradores promoveram uma reconstrução da matriz sobre os fundamentos da edificação anterior (de 1606), e essa obra seria concluída quase cem anos depois.

No ano de 1997, devotos da cidade se organizaram para promover uma restauração da matriz, e uma das pessoas que encabeçou o movimento foi Dona Claudionor Teles Veloso (Dona Canô), mãe dos cantores Caetano Veloso e Maria Bethânia. Dona Canô era natural de Santo Amaro, e se destacava por organizar tradicionais novenas da cidade, incluindo a festa de Nossa Senhora da Purificação.

 IMG_6250
IMG_6864
IMG_7024
Com o passar do tempo, a igreja foi se adaptando aos estilos predominantes de cada época. Assim, vemos que a estrutura arquitetônica, bem como os azulejos e pintura do forro, são tipicamente do período barroco; já os altares são predominantemente em estilo neoclássico, e foram acrescentados durante o século XIX.
Um destaque no seu interior, é a bela pintura do teto, representando a Apresentação do Menino Jesus no Templo, e que remete diretamente à devoção a Nossa Senhora da Purificação. Além disso, nas paredes laterais os  painéis de azulejos se dedicam a representar cenas da vida de Maria.

IMG_6923

IMG_9611

IMG_6927

Colunas do coro talhadas em pedra e conjugadas com pias de água benta

IMG_6988

Acima, o coro da igreja.
Abaixo: internamente a igreja possui a capela mor, dois altares no arco cruzeiro e dois grandes altares no transepto.

IMG_9610

IMG_9602

Acima, altar do transepto, com o Senhor Crucificado e Nossa Senhora das Dores

Capela-mor

Capela-mor

Altar-mor

Altar-mor

Azulejos contam episódios da vida de Nossa Senhora: na foto, a apresentação de Maria no Templo, e seu matrimônio com São José

Azulejos contam episódios da vida de Nossa Senhora: na foto, a apresentação de Maria no Templo, e seu matrimônio com São José.

A invocação de ‘Nossa Senhora da Purificação’ remete aos fatos narrados pelo evangelista São Lucas, a partir do versículo 22 do capítulo 2 de seu Evangelho:

E tendo os pais apresentado o menino Jesus, para cumprirem a respeito dele os preceitos da lei, [Simeão] tomou-o em seus braços e louvou a Deus nestes termos: “Agora, Senhor, deixai o vosso servo ir em paz, segundo a vossa palavra. Porque os meus olhos viram a vossa salvação que preparastes diante de todos os povos, como luz para iluminar as nações, e para a glória de vosso povo de Israel”. Seu pai e sua mãe estavam admirados das coisas que dele se diziam.

Pintura em perspectiva, no forro da igreja, representando a apresentação de Jesus no Templo

Pintura em perspectiva, no forro da igreja, representando a apresentação de Jesus no Templo. Na parte inferior, destacam-se indivíduos representativos das etnias brasileiras (índio, negro, europeu) em alusão à frase de Simeão – o Menino era a salvação preparada diante de todos os povos.

IMG_6976 ______________________

Referências:

– Bazin, German, L’Arquitecture Religieuse Baroque au Brésil, Tome II, Paris: Librairie Plon, 1958

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN

Prefeitura de Santo Amaro

Um comentário sobre “Matriz de Nossa Senhora da Purificação – Santo Amaro, Bahia

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s